Universidade do Futebol disponibiliza curso para funcionários da base alvinegra

webinicefAno após ano, o Botafogo vem evoluindo em suas categorias de base. A formação de atletas a nível global é uma marca do processo de gestão da base do Glorioso. Pensando nisso, o alvinegro também pensa na formação de pessoas que vão contribuir na evolução dos jovens atletas e ajudá-los a se desenvolverem na vida. Generosamente, a Universidade do Futebol ddisponibilizou algumas vagas para que funcionários do clube façam um curso especializado e sejam preparados para os desafios do cotidiano com os meninos.

SOBRE O CURSO

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e a Universidade do Futebol, com o apoio estratégico da Fundação FC Barcelona, lançaram o programa de capacitação “Educar pelo Futebol – Meu time é nota 10″. O programa tem como objetivo transformar o futebol, um dos maiores símbolos da cultura brasileira, em ferramenta para o desenvolvimento e proteção de crianças e jovens de todo o País que buscam a profissionalização no esporte. A metodologia do programa, que se utiliza de uma plataforma de ensino on-line, oferece a possibilidade de compreensão e discussão sobre os riscos e as oportunidades presentes no dia a dia de meninos e meninas quando dentro das dependências dos clubes, escolinhas e projetos sociais, dentre outras instituições.

Hoje, as oportunidades e os riscos a que estão expostos adolescentes e crianças que desejam ser jogadores profissionais de futebol são muitos. Riscos como a profissionalização precoce, exploração e abuso sexual, afastamento do ensino regular, além de muitos outros. Para Gary Stahl, representante do UNICEF no Brasil, a responsabilidade das instituições envolvidas é grande.

– Antes de tudo, clubes e escolinhas que preparam crianças e adolescentes para uma carreira profissional estão trabalhando com o sonho desses meninos e meninas. Entretanto, apenas um em cada 3 mil realizarão esse sonho”, afirmou ele. “Os clubes e escolinhas têm a oportunidade e o dever de deixar para essas crianças e jovens um legado que se manifeste para além das quadras de futebol. Isso só pode ocorrer se os clubes entenderem as necessidades e o direito da infância. – finalizou Gary.

De acordo com o Prof. João Paulo Medina, presidente da Universidade do Futebol, “o objetivo do programa é capacitar e atualizar os profissionais que atuam no futebol, utilizando todo o conhecimento adquirido como uma boa ferramenta de transformação social. Partimos do pressuposto de que o futebol tem um enorme potencial para educar, formar cidadãos responsáveis, solidários e participativos contribuindo para melhorar o ambiente em que vivemos”. – disse.

Em sua primeira edição, o treinamento on-line já conta com a inscrição de profissionais de clubes das mais diversas cidades do Brasil. Além do Botafogo F.R., também estão participando profissionais de 10 Clubes brasileiros e toda equipe técnica da Seleção Brasileira Feminina Sub-20.

Para o aluno Felipe Conceição, treinador da equipe Sub-17 do Botafogo, o curso ministrado pela Universidade do Futebol vem agregando valores a sua carreira como treinador.

– O curso “Educar pelo futebol” é muito interessante e profeitoso, por conseguir agregar valores a minha profissão e por transmitir conceitos de metodologias de treinamentos e de valores que são importantes na formação dos jovens, não só como atletas, mas também como homens. Vale ressaltar a quantidade de textos e vídeos de coteúdo que o curso proporciona para os alunos, é um grande arquivo de conhecimento e muito bem organizado. – declarou o treinador.

A participação de profissionais inscritos não se limita aos funcionários dos clubes. Também se inscreveram profissionais de diversas universidades e fundações que se interessam pelo estudo do futebol como uma ferramenta de transformação social.

Mais informações:

UNICEF – Rodrigo Fonseca – rfonseca@unicef.org / Ivan Monteiro – imonteiro@unicef.org

Universidade do Futebol – Eduardo Conde Tega – tega@universidadedofutebol.com.br

Fonte: BFR

Sobre o autor
Editor de Notícias do Fala Glorioso