Lutando contra a degola, Botafogo quer pensar em um jogo de cada vez

Com 33 pontos conquistados e mergulhado na zona de rebaixamento, o Botafogo está virtualmente rebaixado para a segunda divisão. Para evitar isso o time precisa ganhar os quatro jogos restantes na competição, algo pouco improvável para quem não conseguiu mais do que duas vitórias consecutivas até aqui. Porém, o técnico Vagner Mancini e os jogadores se negam a jogar a toalha e garantem que vão lutar até o fim.

Precisando de ‘milagre’, Botafogo terá ingressos à partir de R$5 na quarta-feira

Na visão dos botafoguenses, a melhor estratégia neste momento é deixar a Matemática de lado e muito mais a necessidade de vencer todos os jogos. Para eles o importante agora é ganhar sempre o próximo jogo e focar no compromisso que está por vir. Dessa maneira o pensamento está no choque contra o Figueirense, nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), em São Januário, no Rio de Janeiro, pela 35ª rodada.

“Nós temos que pensar em ganhar um jogo de cada vez e ver o que vai acontecer. Se o primeiro resultado aparecer, é sinal de que vamos melhorar um pouco a nossa situação. Não podemos pensar na dificuldade como um todo, nem que temos que vencer todos os quatro jogos, pois isso ninguém sabe ao certo. O Botafogo precisa pensar apenas na partida contra o Figueirense, em encontrar uma maneira de ganhar a partida, de não deixar o adversário acreditar um só momento que pode nos derrotar”, disse o lateral-direito Régis.

O volante Gabriel pensa de maneira parecida.

“Nós não vamos pensar que precisamos de quatro vitórias em quatro jogos. Vamos pensar que temos que vencer o próximo compromisso e depois o outro e assim por diante. O importante é mantermos vivo o desejo de ir a campo e ganhar os jogos que faltam. O Botafogo tem problemas, mas também tem condições de ir a campo e ganhar o jogo”, analisou Gabriel.

Vagner Mancini também compartilha da mesma opinião dos jogadores e diz que o Botafogo ainda depende das próprias forças para se classificar. Ele enaltece os brios dos jogadores.

“Eu tenho acompanhado de perto a luta dos jogadores do Botafogo. Eles estão focados em tirar o time desta situação. Sabemos que não é fácil, que tudo indica o contrário, mas seguimos acreditando que vamos escapar do rebaixamento. Os jogadores estão se entregando demais dentro de campo, lutando por cada jogando, buscando a vitória sem pensar em nada fora de campo. Infelzmente temos que ganhar todos os jogos, mas não podemos ter isso como um complicador, pois a pontuação que vai nos livrar ainda é incerta”, disse Mancini.

O elenco volta a treinar na tarde desta terça-feira, no Engenhão, quando Vagner Mancini vai pensar na formação que vai mandar a campo. O treinador vai poder contar com o retorno do lateral-esquerdo Junior Cesar, que cumpriu suspensão diante do Fluminense, na derrota por 1 a 0. Com dores na coxa direita, o meia Carlos Alberto e o atacante Jobson dificilmente reunirão condições de ir a campo.

Quem é desfalque certo é o volante Aírton, que segue cuimprindo suspensão imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por conta de sua expulsão na derrota de 4 a 2 para o São Paulo. Após o treino desta terça-feira começa o períoo de concentração para a partida.

Fonte: ESPN

Sobre o autor
Editores responsáveis pelo site