Após renovação de Gegê, Gomes encaminha time para a final do Carioca

ricardoporaqui

O Botafogo está bem encaminhado para a final do Campeonato Carioca. Na manhã desta sexta-feira, em General Severiano, o técnico Ricardo Gomes comandou um trabalho tático e praticamente definiu a escalação para o duelo contra o Vasco no próximo domingo, às 16h (de Brasília), no estádio do Maracanã.

A principal novidade foi a presença do meia Gegê, que tinha ficado de fora dos dois últimos treinos por conta de dores musculares nas pernas. Curiosamente ele volta a trabalhar após ter acertado a renovação de contrato.

O camisa 34 do Alvinegro, que pelo contrato em vigor tinha vínculo somente até a próxima segunda-feira, renovou o compromisso e vai permanecer no Glorioso até 2017. Apesar de ter trabalhado na equipe principal, ele ainda não teve a escalação confirmada por Ricardo Gomes, que também cogita a possibilidade de utilizar o volante Fernandes, que entrou muito bem no decorrer da derrota de 1 a 0 para os vascaínos no fim de semana.

“Não temos muito o que inventar agora. O Gegê ficou dois dias sem treinar, mas voltou bem. O Fernandes também trabalhou muito bem. Vou decidir entre um dos dois neste sábado”, avisou o comandante.

A novidade em relação ao jogo contra o Vasco será o retorno do zagueiro Joel Carli, que cumpriu suspensão no primeiro jogo da final por ter sido expulso na vitória de 1 a 0 sobre o Fluminense na semifinal. O argentino vai deixar Renan Fonseca como opção no banco e compor a dupla de zaga com Emerson Silva.

Assim, pelo que se viu no treino desta sexta-feira o Glorioso vai a campo com Jéfferson, Luis Ricardo, Joel Carli, Emerson Silva e Diogo Barbosa; Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, Gegê (Fernandes) e Leandrinho; Juan Salgueiro e Ribamar.

“Tivemos uma semana muito boa de trabalho e acho que vamos saber aproveitar esses bons fluídos no jogo de domingo. Teremos mais um treino e, por acaso, fechado para a imprensa. Estamos valorizando um pouco a privacidade com o nosso elenco, pois tem questões envolvidas nisso, como os aspectos táticos e a questão psicológica”, disse Ricardo Gomes.

O treinador falou da importância de conter a ansiedade: “Chega um dia como hoje a gente quer logo que o jogo chegue. Sexta-feira poderia ser domingo e temos que controlar isso. A ansiedade não pode atrapalhar e todos estão querendo muito o momento do jogo, pois não chegamos a essa decisão por acaso e sim às custas de muito trabalho e de muito esforço. Portanto, vamos precisar ter tranquilidade contra o Vasco, pois todo grande clube vive de títulos e queremos esse”, disse Gomes.

Neste sábado os jogadores participam de uma atividade recreativa pela manhã e depois entram no período de concentração para o clássico. Como perdeu por 1 a 0 na ida, o Botafogo precisa ganhar por dois ou mais gols de vantagem para ficar com o caneco, ou vencer por um gol de diferença para forçar a disputa de pênaltis. O Alvinegro ganhou o Estadual pela última vez em 2013, sob o comando de Oswaldo de Oliveira. À época o time contava com nomes de peso, como Seedorf e Rafael Marques.

Fonte: ESPN.com.br

Sobre o autor
Botafoguense desde a Escandinávia. Jornalista e torcedor de arquibancada. Desde sempre vivendo 24 horas o nosso glorioso.